Este sítio utiliza cookies

Estes cookies são essenciais quer para melhorar as funcionalidades quer para melhorar a experiência de utilização do sítio ALEA.

        

Noticia retirada da revista visão
Nº 568 * 22 A 28 JANEIRO 2004 * PORTUGAL

A CAMINHO DE MARTE

Bastam três dias para chegar à Lua. Para ir a Marte são precisos sete meses - e é só o princípio dos problemas. Mas nem seria de esperar que uma missão a Marte não apresentasse dificuldades...

B.I. DO PLANETA VERMELHO:

Distância
Tendo em conta a órbita elíptica de Marte, a distância à Terra varia muito. No seu ponto de maior proximidade de sempre, em Agosto passado, Marte chegou a estar a 56,3 milhões de quilómetros da Terra.
Quem quisesse lá ir, a uma velocidade de 90 km/h, demoraria 73 anos

Diâmetro
6 794 Km
(a Terra tem 12.756 km e a Lua 3.476)

Atmosfera
95 por cento de dióxido de carbono

Dias
São semelhantes, em tempo, aos da Terra, mas o ano marciano tem 687 dias
Gravidade
Um terço da existente na Terra

Temperatura
Em média, 63 graus negativos

 

O que seria preciso para lá chegar

1. Deixar a Terra
PROBLEMA Todas as viagens espaciais começam por uma batalha contra a gravidade, uma má notícia tendo em conta na dimensão da nave que seria necessária para a viagem a Marte. Não seria mau ter à mão um lançador pesado, mas o velho Saturno V há muito que se reformou.

SOLUÇÕES Não era preciso fazer levantar um grande peso do solo se a nave fosse enviada em bocados e montada no espaço. E um foguetão Delta IV consegue atingir 80% da potência do velho Saturno

 

2. A viagem para Marte
PROBLEMA Uma viagem de ida a Marte demora sete meses, num trajecto que é tão enfadonho como perigoso, dadas as radiações a que a nave estaria constantemente sujeita.

SOLUÇÕES A propulsão iónica e a propulsão termonuclear poderiam aumentar a velocidade e reduzir o tempo de viagem interplanetária. Os escudos pesados podem proteger a tripulação da radiação, embora acrescentem muito peso

 
 

3. Viver em Marte
PROBLEMA Não é possível levar comida, água e oxigénio suficientes para uma missão de três anos. A radiação na superfície de Marte pode ser tão complicada como a bordo da nave.

SOLUÇÕES Se existir gelo em Marte, pode ser derretido e consumido.
O oxigénio pode ser separado da água e usado para respirar. Os alimentos podem ser produzidos em estufas ali montadas. Os abrigos de metal protegeriam da radiação

 

4. Regressar a Casa
PROBLEMA Seria difícil transportar combustível suficiente para a viagem de volta. O regresso levaria bastante mais de sete meses se os dois planetas não estiverem convenientemente alinhados.

SOLUÇÕES O hidrogénio e o oxigénio separados da água serviriam de combustível. Marte e Terra aproximam-se todos os dois anos, facultando uma janela para voos, quer de ida quer de volta

Como a NASA gasta o dinheiro

George Bush - Vamos construir novas naves para transportar o Homem pelo Universo